segunda-feira, 21 de maio de 2018

BOM GARFO || Taberna Belga


Quando pedi dicas dos melhores lugares para visitar por Braga, no meu Instagram@innmartinsm —, quase 100% das respostas que obtive incluíam a Taberna Belga. Já tínhamos decidido que queríamos experimentar a francesinha bracarense — que é diferente da típica do Porto — e compreendemos que este era o lugar popular que não podíamos deixar passar.

Fomos num sábado à noite, relativamente cedo, e eu temia as filas que todas as reviews prometiam que íamos encontrar. Porém, ao chegarmos, encontrámos salas cheias de mesas disponíveis e não esperámos tempo nenhum. Mas não se deixem enganar; em pouquíssimos minutos, a casa encheu completamente.

Duas francesinhas — ovo para ti, sem ovo para mim — e já está! O pedido mais esfomeado e fácil do mundo! No entanto, a espera ainda foi grande — a lentidão dos pedidos não é boa aliada à popularidade da casa —. Se vão à Taberna Belga, preparem-se para a enorme expectativa e para a impaciência do estômago caprichoso!!!


Uma francesinha gigantesca e uma dose de batatas absurda e que nos fez esfregar as mãos de felicidade! Estou a par de que muitos bracarenses sabem de uns quantos lugares onde prometem francesinhas melhores — mas menos populares — que a Taberna Belga mas, na verdade, eu achei esta francesinha muito boa e acho que a popularidade é merecida. O queijo estava mesmo derretido, as carnes eram óptimas e a dose de molho estava perfeita. E agora: Porto ou Braga? É uma escolha difícil, porém, a minha resposta vai ser a la Inês: a francesinha d'O Forno, a única que fui capaz de comer toda até ao fim. Nem Porto, nem Braga. O Forno.


Saímos a abarrotar mas, na verdade, quem estava pelas costuras era o restaurante. Disse que não apanhámos fila? Porque fomos fora de horas. No momento em que saímos, vi a maior enchente de pessoas a aguardar mesa. Um número abismal que só consigo comparar à fila dos Pastéis de Belém. Chegar fora de hora e com muita fome é a minha recomendação final. Há lugares que só se sustentam pelo nome. Não é o caso da Taberna Belga.

P.S. - Não imaginam a quantidade de vezes que me enganei nesta publicação e escrevi 'Belka' em vez de 'Belga'. Ups!
______________________________
Rua Cónego Luciano Afonso dos Santos, 14, 4700-048
Braga
Contacto: 253 042 708

7 comentários:

  1. Dizem que a taberna belga tem a Melhor francesinha de todas! É mesmo muito muito boa!!

    TheNotSoGirlyGirl // Instagram // Facebook

    ResponderEliminar
  2. confesso que, quando lá fui, não gostei muito :/
    tens de vir provar as de guimarães :D

    ResponderEliminar
  3. E não é que nunca provei francesinha? *shame on me*. Preciso de subir ao Norte e tratar disso que isso tem bom aspecto :P
    Beijinho

    Automatic Destiny

    ResponderEliminar
  4. Chegar fora de horas é mesmo o truque. De todas as vezes que fui lá, nunca apanhei fila porque ia sempre mais cedo.
    É mesmo dos melhores restautantes de Braga para comer francesinhas. Depois, também existeoutro muito popular entre os bracarenses, a Real Taberna que, por acaso, é mesmo à beira da minha casa.
    Beijinhos
    Blog: Life of Cherry

    ResponderEliminar
  5. Fiquei muito curiosa para experimentar! Talvez quando for a Braga passe por este lugar porque o aspecto das fotografias que partilhas não engana.

    My Own Anatomy 💫

    ResponderEliminar
  6. que bom aspeto! não fazia ideia que em Braga se fazia uma francesinha diferente da do Porto xD
    eu sou do Porto e os meus amigos dizem que sou uma psicopata porque nas francesinhas só como o pão, o queijo, a linguiça e o ovo, o resto dou a alguém! é-me completamente impossível comer uma inteira :P
    beijinhos :) https://ratsonthemoon.blogspot.pt/

    ResponderEliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)