segunda-feira, 5 de março de 2018

DESPORTO || Karting

Há muito que deixei de ter uma bucketlist actualizada porque nunca consegui abranger todos os sonhos que tinha para uma lista real. O meu coração radical — mesmo quando está cheio de medo — impede-me de ter conta de todos os desejos que nele habitam e diz 'sim!!!' a todas as oportunidades e convites que surgem, tornando essa bucketlist, mesmo que imaginária, sempre incompleta. Há sempre algo que ainda quero fazer.

Naquele sábado, quando acordei e visualizei o meu dia, nada me fazia crer que iria estar numa pista de Kart, ao final do dia — a minha roupa assim o indicou, o que não faz mal, atribui uma certa pitada de humor à ocasião —. Dizer que não? Jamais! Nunca tinha experimentado conduzir num Kart e a ideia de participar deixava-me muito ansiosa e animada. A desculpa perfeita foi para celebrar um aniversário.

A pista escolhida foi no Campera Karting — precisamente ao lado do Shopping Campera — e existem vários serviços que podem solicitar para viverem uma experiência de Karting, desde aluguer de pistas, pistas infantis, aluguer individual...
A nossa escolha recaiu para o último, e cada aluguer dura 10 minutos (a 10,50 € cada), sendo que ainda podem usufruir de desconto se apresentarem os vossos cartões de sócio do Benfica ou do Sporting (e o valor do desconto é maior nos cinco dias posteriores a uma vitória em qualquer competição oficial, nacional ou internacional).

E o veredicto final? Fui um desastre!!! É uma experiência que, agora que risquei da minha lista, não tenho desejo de voltar a repetir. O serviço é muito simpático e tomam todos os cuidados e precauções para que façamos o nosso circuito em total segurança — são-vos dadas instruções antes de iniciarem a corrida — e podia dar a desculpa esfarrapada de que correu mal porque me estreei numa pista de Kart à noite (embora o circuito esteja optimamente iluminado, como costuma ser habitual) mas a verdade é que o único veículo onde confio a minha velocidade são os meus pés e qualquer outro transporte me deixa apreensiva e insegura. Não confio em carros, bicicletas, skates ou patins (embora tenha andado e divertido à brava em todos eles) e não consigo saborear os desportos de velocidade quando o pião sou eu. Portanto, fui a condutora de Kart mais banal do universo, fazendo o circuito a uma velocidade que qualquer bicicleta comum poderia bater. De fora, com a roupa que trazia vestida (fui circular com estes sapatinhos), e à velocidade que andava, diria que fui digna de uma segmento numa sitcom. Não importa. O que interessa é que, terminado o meu tempo de aluguer, tirei o capacete com o maior sorriso do mundo e os olhos a brilhar por ter feito mais uma actividade da lista e ter superado o meu medo. E ninguém do grupo foi capaz de me negar essa felicidade — muito pelo contrário —.

Recomendo o serviço, mas não o repito porque não é uma modalidade feita para mim. Depois de ter enfrentado a fera (ou, melhor dizendo, o Kart), concluo que o lugar onde sou verdadeiramente vencedora é no asfalto, sim, mas com os pés bem assentes no chão e umas sapatilhas da minha confiança. Ai, sim, ninguém me pára. 


3 comentários:

  1. A minha experiência mais parecida com o que descreveste é com carrinhos de choque nos parques de diversões. Por acaso não tenho nenhuma bucketlist, mas estou a contruir uma para o meu próximo aniversário
    Por onde anda a Sofia?-Instagram

    ResponderEliminar
  2. Olá Inês, desta vez vieste bem para ao pé de mim :)
    Confesso, sou de cá e nunca lá fui, tenho que tirar um dia para fazê-lo!

    um beijinho,
    piquimads
    http://goasfar-asyoucan.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  3. Deixas-me sempre com um sorriso na cara. Depois de tanto tempo a ler-te, já consigo imaginar-te a ter esta reacção à experiência. Que máximo. Ao menos experimentaste e tu raramente falhas nesta parte, sendo algo que admiro muito em to: TENTAS!

    ResponderEliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)