terça-feira, 6 de fevereiro de 2018

SÉRIES || A História de Deus


A religião sempre despertou uma certa curiosidade e fascínio em mim, não propriamente enquanto crente, mas enquanto observadora. Sempre achei absolutamente extraordinário que milhões de pessoas converjam de corpo e alma a uma determinada ideologia religiosa — esqueçamos a política por uns momentos — e tenham fé nela. De facto, algumas das questões mais basilares da nossa existência (e a grande parte por responder) têm uma interpretação e identidade própria em cada religião e isso é muito interessante de ser estudado, quando estamos do lado de fora. No entanto, reconheço que as minhas noções acerca de várias religiões no mundo eram muito rudimentares.

A História de Deus, apresentada e narrada por Morgan Freeman (convenhamos, esta produção foi feita para ele), investiga de que forma a religião teve um impacto na História e no mundo como é hoje, e observa a sua força influente na Humanidade — independente da crença ou da ausência dela —. Viajando pelos lugares mais sagrados do mundo, Morgan Freeman tenta extrair a identidade de cada religião e a respectiva abordagem ao tema de cada episódio, sempre complementado com intervenções de outros profissionais de ramos não-religiosos para que o panorama seja bastante informativo. Afinal de contas, quem é e o que significa Deus, para a Humanidade? E serão as várias ideologias religiosas assim tão discrepantes e antagónicas umas das outras?

Achei a série absolutamente fascinante e informativa, com temas extraordinários, questões pertinentes e conversas muito interessantes que alargaram o meu conhecimento teológico e me fizeram reflectir até muito depois de os episódios terem terminado. Só por isso, já vale cada minuto.

9 comentários:

  1. Também gosto bastante desta temática, e de todas as questões que levanta! :) E isto tinha MESMO que ser com o Morgan Freeman... ;)

    Beijinho,
    https://anaritaferreira83.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Já há algum tempo que ando para ver a série na íntegra, porém, já vi um ou outro episódio e achei mesmo interessante. Quando vir, digo-te o que achei!

    ResponderEliminar
  3. Wow, great review, so interesting series! Look really lovely!
    Visit my blog

    ResponderEliminar
  4. Quando uma amiga me falou da série (e da particularidade de ser narrada pelo Morgan Freeman) suscitou-me logo curiosidade, é facto fascinante!

    ResponderEliminar
  5. Ainda não vi todos os episódios, mas lembro-me do primeiro, em que ele foi à Turquia (Se não estou em erro) investigar as ruínas daquilo que parece ser o primeiro templo qu alguma vez existiu (e sao há milhares de anos!!). Aquilo que eu acho incrível é como as religões, no seu cerne, acabam por ser tão semelhantes
    Por onde anda a Sofia?-Instagram

    ResponderEliminar
  6. Vi alguns episódios, mas depois outras séries meteram-se no caminho e esta ficou para trás. Mas com a tua publicação voltei a lembrar-me dela e fiquei com um interesse renovado.

    Beijinhos, Ensaio Sobre o Desassossego

    ResponderEliminar
  7. Ainda só consegui ver um episódio mas tal como dizes acho muito interessante quando somos capazes de ver "de fora" o papel da religião na história e no mundo. Para além disto, o Morgan Freeman nunca desilude.:)

    Another Lovely Blog!, http://letrad.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  8. Assim que tive acesso à Netflix, esta foi das primeiras séries que adicionei à lista! Até agora, ainda não a vi, mas acredito que seja tão boa como descreves!!

    LYNE, IMPERIUM

    ResponderEliminar
  9. Não vi, ainda, mas só pode ser bom com esse senhor que é o Morgan Freeman!

    ResponderEliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)