domingo, 2 de abril de 2017

FILMES || The White Helmets


The White Helmets, um documentário original da Netflix e galardoado com o Óscar de Melhor Documentário de Curta-Metragem é um retrato do grupo de voluntários civis que, todos os dias, se sacrifica para proteger os Sírios, da guerra da civil.

A produção acompanha as rotinas, tarefas, aprendizagens e relatos de vários elementos do grupo dos Capacetes Brancos e expõe os seus pensamentos, receios, memórias e desejos. É um documentário que retrata as atrocidades que estão a ser cometidas actualmente, sem paninhos quentes. Cru, violento, mas necessário.

É muito emotivo e fiquei lavada em lágrimas. Mas fundamental. Cada vez mais faço questão de sair da minha redoma e de ganhar mais consciência ao que se passa ao meu redor, no mundo. E nem sempre é fácil sair desta bolha. Parece inacreditável ver um documentário destes e pensar que vivo no mesmo planeta que eles. Mas em mundos completamente distintos. A minha cidade não é bombardeada duzentas vezes por dia. Eu não tenho de ligar, todos os dias, a quem for preciso para saber se a minha família está viva e em segurança. Eu não me sinto ameaçada, perdida ou ferida. Isso não significa que eu deva permanecer cega, ignorante e indiferente, também. Por muito que custe ver, ouvir e saber.

No meio de tanta brutalidade, de tanta violência, de tanto caos, é extraordinário ver que todo este documentário tem uma base de esperança enorme. Estes homens dedicam-se, empenham-se e sacrificam-se pelos seus cidadãos. Já viram o horror nos olhos, mas também já viram milagres. E continuam com os olhos a brilhar, continuam com mensagens de esperança, não desistem, não se vão abaixo. São inspiradores. São heróis em qualquer vertente da palavra. Merecem ser assistidos, merecem ser ouvidos. Escusado será dizer que é obrigatório assistir.

3 comentários:

  1. Não conhecia, por acaso!

    Estou de volta!!!
    Beijinhos
    That Girl

    ResponderEliminar
  2. No curso em que estou, estudando aquilo que estudo, debruço-me muito sobre temas que vão de encontro ao deste documentário e sou "obrigada" (com o maior gosto e amor) a refletir sobre isto e também a interligar o que se passa com variadíssimas vertentes, causas, consequências, histórias. E nunca me canso de aprender mais sobre isso e de descobrir mais, porque tudo é conhecimento e tudo nos pode ensinar algo diferente! E fiquei, mais uma vez, super curiosa com este documentário que partilhas! Vai já para minha lista de espera :)
    Se não fosses um poço de inspiração e conhecimento, o que gostavas de ser?

    ResponderEliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)