quarta-feira, 29 de março de 2017

MUNDO || Quem convidavas?


Uma pergunta cliché, um desafio já conhecido e partilhado por quase toda a gente, uma pergunta quase vulgar; se pudesses convidar sete pessoas que quisesses, vivas ou mortas, para jantar e conversarem contigo, quem convidavas?

A vulgaridade do desafio faz com que muita gente responda ao desbarato - ou nem responda sequer, tal é o aborrecimento -, sem sequer se aperceberem de um detalhe soberbo neste desafio: revela muito da nossa identidade. Afinal de contas, o desafio oferece-vos a possibilidade de qualquer personalidade da Humanidade jantar e conversar convosco, o que significa que, o que quer que respondam, vai reflectir muito da vossa personalidade.

Convidavam apenas para apertar a mão ou para conhecer mais? E será que o que querem conhecer não existe já, noutros lugares, comprovado e confirmado, e só não o sabem por pura ignorância? O convite seria um acto de admiração, vaidade, poder, (re)conhecimento ou utilidade? E o que é que poderiam retirar desse jantar? Mais do que a lista de pessoas que fariam para o vosso jantar, aquilo que torna este desafio tão fascinante é que é precisamente o propósito dos convites que vos revela. Milhares de pessoas poderiam convidar exactamente a mesma pessoa, por motivos diferentes. O que iriam retirar desse jantar é o que vos representa.

Acima de tudo, não desdenhem o desafio nem tomem por certo quais seriam as respostas dos outros. Ficariam surpreendidos com o que as vossas pessoas iriam responder. Eu já me fiz esta questão vezes sem conta e acho que já tenho uma resposta quase certa. Mas fiz muitas questões além da habitual "porquê?", antes de chegar a esta conclusão.

Convido-vos a fazerem o mesmo exercício; um jantar e sete pessoas - vivas ou mortas e podem escolher quem quiserem, no mundo inteiro - para conhecer. Quem escolheriam? Não partilhem a resposta comigo, simplesmente reflictam nas escolhas que fariam mas, acima de tudo, façam as perguntas certas. É muito mais do que um desafio cliché.

Imagem

8 comentários:

  1. Nunca tinha pensado nessa pergunta, e sinceramente nem a sei responder! Mas adorei o post!
    Love, M
    www.blackrosebyannluck.com

    ResponderEliminar
  2. Sinceramente, quando li esta questão só houve 1 pessoa que não teria dúvida que queria presente: o Freddie Mercury. Os restantes 6 sem dúvida que seria para pensar e repensar. É um óptimo exercício de introspecção, sem sequer nos apercebermos.

    Marta Rodrigues, Majestic

    PASSATEMPO KIT DA KAT VON D PELO BLOG!

    ResponderEliminar
  3. Uma boa pergunta para a qual não tenho resposta - são tantos que 7 para mim são poucos

    ResponderEliminar
  4. Já uma vez vi este desafio e realmente já não pensava nele há muito tempo. Vou refletir novamente, obrigada! :)

    ResponderEliminar
  5. É um exercício muito interessante de se fazer. Pensar em quaisquer 7 pessoas à nossa escolha com quem pudéssemos partilhar opiniões, questões... De repente consigo pensar em duas, com quem tinha o maior gosto em trocar algumas palavras. Acho que é um excelente desafio.

    ResponderEliminar
  6. É um verdadeiro desafio sem dúvida e já d'agora gostava que partilhasses aqui as tuas escolhas.:)

    Another Lovely Blog!, http://letrad.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  7. Excelente questão, quem convidaria?
    Ufa! Que escolha! Acho que não conseguiria responder, sempre com medo da escolha não ser a acertada (haverá certos e errados na vida?)
    Obrigada pelo desafio.

    Um beijinho,LucieLu

    ResponderEliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)