terça-feira, 14 de junho de 2016

PASSAPORTE || Câmara Obscura


Foi apenas este mês que conheci uma Câmara Obscura em Portugal. Para quem desconhece de todo o que escrevo, passo a explicar: Câmara Obscura é uma atracção turística onde um pequeno grupo de pessoas se junta no interior de uma sala totalmente escura e onde a única fonte de luz provém da clarabóia disponível no tecto dessa sala, onde entra luz solar. No interior da sala existe uma enorme mesa branca, movível, onde a luz projecta uma imagem a 360º da cidade onde estão em tempo real. Como? Pelo mesmo sistema que existe nos submarinos: reflexo em espelho. No topo da torre (é quase sempre uma torre pela sua vista privilegiada) existe uma estrutura espelhada que pode ser movida e o espelho reflecte a imagem para a mesa branca, por onde todos nós observamos as imagens em directo, sobre a cidade.

É uma atracção giríssima que eu recomendo que façam, se possível. Quase obrigatória. Pela experiência (todos os movimentos, decisões ou focos são sempre explicados pelo guia, para podermos acompanhar toda a mecânica) e pela oportunidade cultural e turística, uma vez que, à medida que o guia vai girando pela cidade, este pára e foca a imagem em determinados monumentos, ruas, praças ou pontos que ele ache interessante explicar para o seu público, sempre com curiosidades e explicações sobre a História da própria cidade. A duração é sempre próxima dos 10, 15 minutos, dependendo da cidade que visitam.

Ninguém que foi comigo já tinha visitado uma Câmara Obscura antes mas eu já tinha feito a minha estreia em 2011, por Edimburgo. Outros lugares onde podem encontrar a mesma atracção são Grahamstown, Bristol, Santa Monica, São Francisco e Rio de Janeiro. Em Portugal encontram em Tavira e numa das torres do Castelo de S. Jorge, em Lisboa - que foi a que visitei -.

Fotografia retirada do site do Castelo de S. Jorge

6 comentários:

  1. Adorei o conceito. Não conhecia.

    Cátia ∫ Meraki

    ResponderEliminar
  2. Desconhecia por completo a existência deste "projecto", santa ignorância haha. De facto, parece ser uma experiência interessante. Fiquei bastante curioso!

    Ricardo, The Ghostly Walker.

    ResponderEliminar
  3. Não sabia sequer que isto existia, parece tão giro!

    ResponderEliminar
  4. Que espectáculo! Na minha próxima visita a Lisboa tenho que ver isso!

    Jiji

    ResponderEliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)