sábado, 9 de abril de 2016

SÉRIES || Versailles


A nova série da RTP 1 conquistou-me num piscar de olhos. Versailles é a série que passa ao serão e que revela a história da construção do palácio que dá o nome à própria história. Não se deixem enganar; Há sexo explícito, violência e mortes inesperadas, mas hoje em dia juntar estes três factores de uma forma crua e violenta resulta e enquanto assim durar tenho de ser eu, Maomé, a ir à montanha e fechar os olhos. 

Mal mostrei ao Diogo - que ficou logo fã - ele reconheceu uma bateria de actores que eu, leiga das séries de televisão, jamais tinha visto, mas acredito assim que seja um elenco escolhido a dedo e, mesmo não sabendo a mínima coisa sobre as suas carreiras ou personagens passadas, comprovo-o. Têm todos um charme inesquecível, uma voz persuasiva, uma elegância que espelha de uma forma muito inteligente uma época tão importante em França. Luís XIV foi o Rei Sol e a sua opulência deixou um legado que ainda hoje procuramos visitar.

Os detalhes históricos, os conflitos políticos, os interesses entre classes, o poder absolutista, a regra de aparências de uma família real, os obstáculos de uma arquitectura megalómana "impossível" e a mente de um Rei tão, à sua altura, irreverente e moderno são detalhes que a série transmite de uma forma muito bem sucedida e é por isso que a caracterização modernista da produção, incluindo a música, está tão bem pensada. Por exemplo, o meu namorado acha que a música de abertura - a famosa e lindíssima Outro de M83 - não se encaixa na série uma vez que é uma produção de época, que devia ter algo mais frio e bruto como em Game of Thrones, mas eu discordo completamente. Há toda uma preocupação com a elegância e modernismo, e uma música mais grosseira e violenta, de época, não resultaria aqui. Além disso, a letra da música é soberba (I'm the king of my own land (...) I'll fight until the end (...) Now and forever I'm your king) e encaixa com a maior das perfeições na história que querem contar - e se já tiverem visto a série comprovam-no, tendo em conta que este é um tema recorrente em cada episódio, a afirmação de Luís XIV como Rei de França -.

Para mim é uma série que resulta, até porque posso matar saudades de História e a forma como contam todos os desenvolvimentos é fantástica. Conquistou-me pelo seu tempo de emissão, pelas cores, pela fotografia, pela ausência de intervalos, pelo sotaque britânico e pela música de abertura escolhida a dedo. Todas as quartas podem ter a certeza de que a vejo.

Poster

8 comentários:

  1. Vi o primeiro episódio mas não gostei nada :/ *

    ResponderEliminar
  2. A minha namorada falou-me desta série, devido à controvérsia, e fiquei bastante curioso. A temática é extremamente interessante e a tua review só o veio confirmar. Tenho a série na minha "to watch list", só falta começar :)

    Ricardo, The Ghostly Walker.

    ResponderEliminar
  3. Já tive para começar a ver esta série, porque gosto imenso da estética da época, mas tenho um bocado medo de me aborrecer porque dramas históricos não são para mim. Mas vá, se tem assim tanta acção pode ser que me cative. Tenho de ver uns episódios para tirar a prova dos nove.

    Marta Rodrigues, Majestic

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho q nao deve perder mais nenhum comecando a ver nao se consegue desligar acredite

      Eliminar
  4. Eu cá concordo contigo: acho que, apesar de ser uma produção de época, a música inicial se enquadra muito bem! :D Estou a adorar milhões esta série! Já vi os três primeiros episódios e continuo ansiosa pelo quarto... O que mais me cativou foi exatamente o facto de ser um bocado antagónica, como frisaste no texto: a brutalidade e a elegância conjugam-se na perfeição.
    Beijinho*

    ResponderEliminar
  5. Concordo contigo. Apaixonei-me logo pela série também e agora não perco um episódio.

    ResponderEliminar
  6. A serie e marav ilhosa e os actores sao ... Lindos de morrer adoro aquele rei ...

    ResponderEliminar
  7. Fiquei curiosa. Gosto de séries deste género.

    ResponderEliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)