domingo, 20 de março de 2016

DIA INTERNACIONAL DA FELICIDADE || How to Make Myself Happy





Para muitos, o maior dos horrores, para mim, um dos hábitos mais felizes que tenho. Um velhote em Natal, Brasil, uma vez disse ao meu pai isto "Para ganhar o dia você tem de o ver nascer" e apesar de não seguir à risca este conselho, percebo-o na íntegra. A não ser que esteja muuuuito doente, eu faço por começar o meu dia o mais cedo possível. Ficar na cama até depois das dez não dá para mim, aliás, se acordar e ver que são 10h da manhã, fico desolada e dou um pulo. O dia automaticamente é mais longo, sentimo-nos produtivos muito mais facilmente, vemos o Sol a crescer e temos tempo para tratar de nós. Para mim, acordar cedo é uma das melhores formas de cuidar de mim. Adoro dormir, por vezes adoro fazer ronha, mas é imbatível a sensação que tenho quando percebo que aproveitei o dia desde o começo (ou perto do começo).


Se sou simpática com os outros, se apoio a forma como os outros vivem, se os incentivo a serem mais felizes, porque não fazer isso comigo mesma? Eu tenho de ser a minha maior fã e cheerleader. Eu tento todos os dias apoiar as minhas decisões e motivar-me para corrigir as minhas falhas. Eu não quero ser má para mim porque eu não sou má para ninguém, portanto, eu não mereço isso para mim mesma. Sim, eu detesto o meu nariz, eu detesto ter quase duplo queixo, eu detesto o tamanho das minhas pernas e coxas. Mas eu já sei isso tudo e não preciso de o dizer constantemente. O mais fácil é aceitar que é assim que sou e são esses traços que me desenham, sejam eles lindos ou feios. Desde que não afectem a minha saúde eu vou aprender a gostar deles. Por muito chatos que sejam. Eu quero referir mais vezes as coisas que gosto em mim do que as coisas que "por milagre" mudaria em mim. E isso não é vaidade. É auto-confiança. É auto-estima. E quem disser o contrário é mal-resolvido na sua vida e é uma pessoa tóxica na vossa vida. Livrem-se dela! Não deixem que ninguém abale os vossos pensamentos bonitos sobre vocês próprias. Não o permitam!


É a minha refeição favorita do dia. Já o referi no blogue algumas vezes que não sou grande apreciadora do chamado "pequeno-almoço europeu", os típicos cereais com leite ou iogurte, torradas com manteiga... A maior parte das pessoas prefere este tipo de pequeno-almoço porque acorda sem grande apetite, mas a mim acontece-me o contrário e eu gosto de reverter uma coisa muito típica nesta refeição: é feita à pressa. A maior parte das pessoas só tem um bom pequeno-almoço aos fins de semana - se acordar cedo - e nas férias. E geralmente acordam com fome nas férias. Mas no dia-a-dia, com o stress e a pressa de despachar as coisas para sair de casa, a maior parte desenrasca-se com o que houver. Eu acordo sempre cedo e gosto de tirar logo tempo para tomar o pequeno-almoço com calma. Sou muito fã do pequeno-almoço inglês que quase toda a gente torce o nariz, mas eu adoro; Adoro os ovos mexidos (com umas fatias de bacon, mas shiuuuu) e aqui sim, gosto de acompanhar com torrada com doce, adoro incluir cogumelos ou fazer panquecas. Adoro acompanhar tudo com chá ou sumo natural. Para muitos é uma refeição demasiado pesada para começar o dia, mas eu sinto-me sempre muito mais enérgica, com vontade de fazer coisas e alegre. Não faço este pequeno-almoço sempre porque o tempo nem sempre ajuda (que pena), mas quando posso, permito-me, com tudo o que tenho direito.


O meu quarto tem uma janela de que vai até ao chão e é onde a Laika se deita quando vou para o meu quarto. Fica do lado de fora a observar-me, muito sossegada e curiosa enquanto fico nos meus afazeres ou quando vou dormir. E, de manhã, assim que abro aquela janela, ali está ela para me desejar os bons dias como se eu fosse Deus ou talvez a coisa mais importante do seu mundo. Num amor inexplicável que certamente vocês, meus leitores donos de animais, vão entender. Um companheirismo desmedido, uma alegria inesgotável quando nos vêem, mesmo que nos tenhamos cruzado há 3 minutos atrás. Eles sempre recebem-nos com a alegria mais contagiante do mundo. E é assim que eu fico quando estou junto da Laika. Feliz.


O nosso corpo e mente devem ser cuidados com a maior regularidade possível para que a nossa relação connosco próprios seja a mais feliz possível. Se gostamos de apregoar que uma relação entre casal não resulta sem esforço diário, empenho, cuidado e protecção, então porque não fazemos essa mesma manutenção connosco? Porque não alimentamos o amor por nós próprios também oferecendo-nos tempo e miminhos?
Adoro ouvir música e adoro conhecer músicas novas, artistas inovadores e cantar as músicas de sempre. Acho essencial para mim, meter músicas maravilhosas a tocar enquanto faço as minhas tarefas, trabalho ou até mesmo quando me arranjo. Gosto de tirar um bocadinho do dia para cuidar de mim, do meu cabelo, do meu rosto, da minha pele, da minha saúde. Gosto de me arranjar e de me sentir bonita e poderosa. Cada vez dou mais importância em encaminhar-me para pensamentos positivos, que me afastem as inseguranças e a ansiedade, e que me façam lembrar do quanto já fiz por mim e do quanto me esforço para ser cada vez mais a Inês que quero ser.

11 comentários:

  1. Adorei a edição desta publicação, fantástica! E claro... o conteúdo é sempre a melhor vitamina que podemos encontrar no teu blog. Muito bem mesmo, Inês :) beijoca

    ResponderEliminar
  2. Esta publicação está só deliciosa! O design cuidado, as fotografias coloridas, as mensagens inspiradoras... És incrível, Inn. com todas as letras e mais algumas!
    Beijinho*

    ResponderEliminar
  3. Das fotografias ao texto maravilhoso, tudo nesta publicação deixou-me bastante feliz e a sentir, ainda mais, o dia.
    Pensava eu que era das poucas por aqui que apreciava o típico pequeno-almoço inglês, mas acabaste de contrariar isso! Eu adoro começar o dia com energia e nada melhor do que fazê-lo bem alimentada!
    Quanto a acordar cedo, tenho de trabalhar nisso, mas concordo com cada palavra tua!
    Tudo o resto desta publicação está perfeita! É por estas e por outras que este blogue é um dos melhores que anda por aí! Um grande beijinho e continuação de um bom domingo!

    A Vida de Lyne

    ResponderEliminar
  4. Tão bonito!! Que post tão inspirador, Inês. Gostei tanto. Foi uma lufada de ar fresco e uma motivação para a semana que aí vem :)
    Uma questão relacionado com um desses hábitos: também te costumas deitar cedo? Ou seja, tens uma rotina de sono equilibrada, em que não te deitas muito tarde?
    Obrigada!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Para ser sincera, gostava que fosse tão rotineira a deitar-me cedo como sou a acordar cedo. Nem sempre me deito cedo, mas geralmente esforço-me para que isso aconteça :)

      Eliminar
  5. Todas as tuas sugestões, se é que se pode chamar assim, funcionam muito bem comigo. Tenho pena é de muitas das vezes não me lembrar delas! :D adorei a edição das fotografias, mais uma vez, parabéns por estares a esforçar-te imenso nesse aspecto! Beijinho

    The eyes of a Mermaid

    ResponderEliminar
  6. Super inspirador e uma edição fantástica. Também sou da opinião que devemos começar o dia cedo, afinal se ficarmos na cama até tarde perdemos tempo para fazermos atividades e depois usamos a desculpa do "ai, não tive tempo"

    ResponderEliminar
  7. Como eu te invejo por seres uma morning person! Um dia, um dia...

    Jiji

    ResponderEliminar
  8. Isso do pequeno-almoço é um bocado relativo para mim ahah
    Ultimamente deito-me cedo e também acordo cedo e não dispenso de uma taça de cereais ao pequeno-almoço. Só muito raramente faço algo mais "tchana" mas é mesmo por não gostar de comer muito de manhã e não tempo

    ResponderEliminar
  9. adorei inês! obrigada por trazeres estes posts à blogosfera :D

    ResponderEliminar
  10. O pequeno-almoço é também a minha refeição favorita, e eu sinceramente não percebo como existem pessoas capazes de sair de casa sem comer nada. É a refeição que me sabe melhor ^^ E nunca a dispenso. Nem que tenha que acordar cedíssimo. Acho preferível acordar cedo e comer do que sair de casa sem comer nada para poder ficar mais tempo na cama. Até porque costumo acordar com fome xP
    E compreendo-te perfeitamente na questão do acordar cedo ;) Detesto levantar-me depois das 10:30h/11h...o dia fica mais curto e parece que não dá para nada...

    PS: Enviei-te um pedido no Instagram. Se vires um pedido de uma Raquel, sou eu :)

    ResponderEliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)