domingo, 20 de dezembro de 2015

2015 || TOP Blogues


2015 foi um ano em que me dediquei de alma e coração à Blogosfera e isso também incluiu ler inúmeras publicações incríveis, conhecer blogues cheios de potencial, adorar os de sempre e simpatizar e identificar-me com muitos dos autores por detrás do blogue. Assim, tentei reunir alguns dos blogues que mais me prenderam em 2015 e que mais puxaram pela minha frequência de visita, leitura ou comentários, mas não me obriguei a escolher 15, até porque esta ano sinto que foram mais os blogues que disseram Adeus do que os que disseram Olá. Para evitar pódios a apresentação de cada blogue está SIMPLESMENTE organizada por ordem alfabética.





A Inês tem um daqueles blogues que dá vontade de a empurrarmos para o estrelato. É aquele tipo de blogue que eu gosto de chamar Blogue do Caraças que as Pessoas Ainda Não Viram Todas que É do Caraças. Este ano a Inês renovou o design e o título mas continua o blogue anónimo com publicações de tempos em tempos, que quase vai de desencontro aquilo que mais aprecio num blogue (conteúdos frequentes e uma cara que possa associar). Mas quando se tem um Blogue do Caraças não dá para não gostar e não correr para o link para ver o que ela trouxe para nos deliciar. A Inês tem o potencial todo para fazer um blogue genial. Tem o estilo, tem o jeito e as temáticas certas. É só aguardar que esta luz mágica se abata para nos destruir a todos. Porque, meus amigos, quando ela elevar o blogue ninguém compete com ela. Os Blogues do Caraças são assim.



A Joana Mascarenhas foi viver por uns tempos em Nova Iorque e escreveu-nos publicações deliciosas sobre isso. Durante meses escreveu-nos publicações maravilhosas sobre o tempo que lá passou, os sítios que visitou, as recomendações, as divagações, as fotografias bonitas e os pensamentos ligeiros. Agora que voltou a Portugal, não deixa de nos apaixonar a cada publicação com sugestões, com mais pensamentos aleatórios e partilhas do seu quotidiano que eu tanto gosto de ler. É um blogue leve, sem grandes pretensões e que me entretém sempre que lá dou um saltinho. Fez as minhas delícias em 2015.



Há uma coisa que eu valorizo imenso nos outros e que se inclui indubitavelmente na Blogosfera: esforço e empenho. E o Jota, para mim e especialmente este ano foi um dos bloggers mais esforçados e empenhados. Pelos conteúdos novos ou renovados que trouxe e que deu uma nova brisa à blogosfera, pela dedicação em cada publicação, pela humildade, pela mudança de design, pela atribuição de uma "cara" ao Brisa Passageira, pelo backstage em dois projectos que tive o convite de entrar. E quando há esforço e empenho, há resultados sempre à vista de todos e o seu blogue é o exemplo perfeito disso. Simples, organizado, com imenso conteúdo e sem publicações supérfluas ou típicas de quem publicou aquilo só para manter o blogue actualizado com qualquer coisa. O pragmatismo nas opiniões, os traços de humor, a atenção aos pormenores e à composição de toda a publicação e a variedade de conteúdo fazem do Brisa Passageira um dos blogues mais renovados e apetecíveis de ler em 2015. O Brisa está de parabéns e o Jota ainda mais. Continua!


Mais um blogue que, à semelhança da Inês, tem pouca frequência de publicações e um rosto escondido. Mas que é um Blogue do Caraças e que eu adoro. Eu acho que o Melvin é a pessoa com quem mais me identifico a nível musical na Blogosfera. Eu era perfeitamente capaz de me sentar com ele num sofá de pele e ouvir London Grammar, Novo Amor, Aurora, Bon Iver, James Bay, Daughter até ficar surda. E ainda comentar sobre fotografia.
O Dakota Street foi um blogue renovado este ano, em que o Melvin deixou para trás o Melvin's Life e eu sinto que o Dakota Street é aquele café para onde vamos quando queremos desligar do mundo e conectar-nos a algo mais. O Dakota Street é uma estante cheia de cd's giros e alternativos para bebermos com chá preto, é aquele álbum de fotografias genial que está guardado numa gaveta perdida e que abrimos e ficamos deslumbrados a observar enquanto chove lá fora. O blogue do Melvin é uma conversa de café que tens com um rapaz hiper acessível, cheio de pensamentos maravilhosos e intrigantes e que vale a pena conhecer. E que se acha velho, mas isso é só tontices dele, não liguem muito. Mais um Blogue do Caraças.






Se tivesse apenas uma palavra para descrever a Leonor e o Dancing Shoes, seria doce. A Leonor é uma miúda tão doce e cândida que é impossível não entrar lá com um sorriso simpático, parece até uma ofensa ao blogue entrar lá mal humorada! A leveza da Leonor a abordar diversos assuntos, a sua humildade, o seu humor e até mesmo a sua idade fazem com que as suas publicações nos prendam à tela com uma atenção inimaginável. Põem-nos a pensar sobre coisas que se calhar nem nos iriam ocorrer na memória ou fazem-nos relembrar as verdadeiras coisas importantes na vida: o valor da família, da amizade, do empenho.
É verdade, a Leonor mudou o blogue e renovou-o, mas a essência dela ainda lá está, e ainda melhor. É um blogue mais crescido sem perder toda a ternura que a ele lhe está associado. E só por isso a Leonor já merecia estar de parabéns. Mas as publicações fabulosas sobre viagens, desporto, livros e pensamentos aleatórios fazem-me aplaudi-la ainda mais!



A Joana é, em quase tudo, diferente de mim. A Joana adora os vestidos, o glamour das passareles, aquelas intrigas quentes sobre famosos, aquelas polémicas, roupa, acessórios e estar apresentável a cada segundo. A Joana usa expressões que jamais saíram da minha boca e estudou uma área altamente divergente da minha. Mas acho que é por isso mesmo, pela diferença tão grande que tenho da personalidade dela que eu gosto tanto de espreitar o blogue dela.
É um blogue sem formalidades, sabem? Não há introduções chatinhas, não há tentativas de isto parecer uma redacção de 15 estrelas. Se a Joana tem uma opinião sobre aquele assunto, ela vai dizê-la sem paninhos quentes, sem floreados na escrita, sem detalhes sórdidos que para ali não são chamados. Escreve, nas linhas que têm de ser escritas e está feito. 
Uma característica que eu adoro no Dreaming With Peaches é que cada vez que leio uma publicação dela, seja ela qual for, parece que a estou a ouvir falar, mesmo nunca tendo ouvido a sua voz. Ela escreve como conversa, como se chegasse ao pé de ti, te convidasse a sentar numa mesinha muito confortável, abrisse a revista, puxasse o café para si e começasse a debitar o que acha do mundo. Mesmo do seu mundo pessoal.
Mas não se deixem enganar pelas temáticas da nossa autora. É muito empenhada na sua vida, tem uma paixão à vista de todos pelo seu namorado e uma opinião bem fundamentada do mundo mais sério. Mas é isso que me faz gostar do seu blogue: a despreocupação. É um escape dos stresses da rotina da sua vida, é um hobby que ela quer usar para se divertir, ler, comentar e esquecer as mil neuras do dia. É genuíno. E isso faz-me ter um fraquinho gigante pelo blogue (mesmo não entendendo nada de vestidos, decotes, Victoria's Secret ou vida de famosos).


O Lucky 13 é o dinossauro dos meus favoritos, e tenho a certeza que a Carolina não se vai importar com esta metáfora já que, como eu, adora estas criaturinhas extintas. É a blogger com quem me identifico mais na blogosfera, quer pelas opiniões, pelas inseguranças, pela visão dela sobre o mundo e sobre as emoções. Eu quase sempre sei que, o que quer que ela fale eu vou ir ao encontro da sua opinião e, se não for, sei que o lado dela tem algum fundamento. Para mim isso é essencial. Uma pessoa com uma cabeça fantástica e capaz de fazer aquele tipo de lógicas, de raciocínios ou conclusões é de valorizar. E não esqueçamos que renovou o Lucky 13 de uma forma altamente exclusiva e que a identifica tão bem. Eu sei, há muitos anos, que quando entro num blogue da Carolina vou encontrar textos para lá de amorosos e bem pensados, imagens giras que se fartam, conteúdo imprevisível e uma identidade que ninguém lhe pode tirar. E isto chega-me. Para 2015, para os anos todos que já passaram e para os anos que daqui vêm. O Lucky 13 é o dinossauro mais cobiçado dos miúdos com todo o mérito.



Se tivesse de associar a Ju a uma artista, associava-a à Yuna. Não porque tenham alguma semelhança física muito próxima, mas porque acho que tanto uma como a outra têm grandes semelhanças nas suas mensagens (quer na música, quer no blogue Naïve): mensagens cheias de ternura, cheias de amor mas também cheias de garra.
A Ju é uma mulher por inteiro sem perder o coração bondoso. Trabalha com afinco e é sonhadora, apaixonada mas com pés assentes na Terra e retira dos mais pequenos momentos de quotidiano grandes lições de aprendizagem. Sim, eu sei que não fui a comentadora mais assídua do seu blogue (mea culpa) mas acompanhei cada uma das suas mensagens e senti que, verdadeiramente, a Ju é especial. E merece muito ser feliz.
O blogue está renovado mas com o miminho de sempre e merece visita eterna.


Encontrei o blogue da Joana quando ela ainda estava em preparativos de casamento e não me podia ter conquistado em melhor altura. A Joana escreve de coração inteiro e mesmo que às vezes me apetecesse que o texto não fosse tão curtinho, as fotos da sua autoria, amorosas e cheias de cuidado preenchem o vazio que fica. A Joana partilha-nos pensamentos positivos, pequenos momentos do dia, momentos emocionantes, pedaços das suas viagens ao Oriente (que gosta tanto e me dá uma outra visão de viagens a sítios que não os típicos europeus) e fala de amor como se estivesse a bordá-lo a ponto cruz com todo o cuidado. A Joana já não é uma adolescente e ter um blogue com uma leitura mais adulta, mais mulher, sem perder a magia de sermos positivos e delicados vale tudo para mim. Especialmente em dias chatinhos em que tudo o que quero é desligar do mundo e ler publicações bonitas.


Lembram-se da Mel? Do Instagram? E onde referi o blogue? Cá está ele de volta. Comecemos pelo nome. Uma das definições mais bonitas da língua inglesa e que é tão doce e delicado como próprio blogue da nossa autora de Curitiba, Brasil. Acho que nunca vi alguém fazer reviews de livros como ela. A opinião, os detalhes que ela refere sobre as histórias, as fotos que ela tira... Oh, as fotos que ela tira. Transpiram amor. Partilha músicas, partilha bocadinhos da sua vida que ela acha que valem a pena serem referidos na sua rubrica 3 Things. Fala de Londres, tanto... Além de a autora ser gira que se farta e com imensas coisas da Disney que eu invejo! A Melina Souza é a típica blogger que eu recorro aos Domingos à tarde para me aquecer o coração com as suas publicações enquanto bebo chá preto enroscada nos cobertores.



O que há ainda para dizer sobre a Inês que vocês ainda não saibam? A ternura, o espírito positivo e lutador, a atenção aos detalhes do dia-a-dia que nos fazem sorrir, o jeitinho para aquelas fotografias que fazem os nossos olhos brilhar e aquelas publicações que ela tanto jeito tem para fazer para nos aquecer o coração inteiro. A Inês é uma pessoa com um bom fundo e isso nota-se a léguas. É uma pessoa que merece ser admirada não só pelo crescimento do seu blogue (e que pulo que ele deu em 2015, totalmente merecido) como pela pessoa que é. Porque só uma pessoa assim podia ter a sensibilidade para escrever aquele tipo de publicações, só uma pessoa assim podia fazer de um registo fotográfico ou de uma tarde no café algo muito maior do que momentos obsoletos de quotidiano. A Inês vai longe se deixar o blogue voar. E eu vejo o She Was Here já a abrir as asas!


A Sofia decidiu mudar de blogue e vestir uma nova roupagem. Um mundo novo. E não podia ter tomado melhor decisão. Um blogue mais arejado, mais objectivo, mais organizado e cheio de coisas giras e imprevisíveis, cheio de temas diferentes e com um toque que só a Sofia consegue dar. Pela técnica, pelo seu próprio carácter, pela sua visão tão objectiva e sincera. É tão bom quando vemos blogues amadurecidos, blogues que acompanham cada vez mais e melhor a personalidade do autor. E este A Sofia World é um excelente exemplo disso. Tenho a certeza que não vai faltar muito para voltar a ter a mesma visibilidade que o antigo. Um olhar sobre Lisboa, sobre a música, sobre o coração da Sofia e sobre viagens é garantido por aqui. E é tão bom que assim seja!



Cada vez mais acho essencial a blogosfera ficar invadida de blogues masculinos. Valem ouro. Pela objectividade das publicações, porque escrevem quando realmente acham que têm algo para dizer e não para actualizar e meter imagens do Tumblr super giras. O Ricardo tem o estilo de blogue que eu mais valorizo e que encontro cada vez mais em blogues masculinos: é aquele blogue que eu tenho a certeza de que, quando o abrir, vai lá estar um post com conteúdo. Vai estar. Não há publicidades, reviews de parcerias tendenciosas, não há publicações de uma linha (acho que o Ricardo tinha um badagaio no dia em que tivesse de fazer isso) e os parágrafos gigantes não me assustam. Muito pelo contrário, eu fico com cada vez mais vontade de ler mais e mais. Porque a sua opinião não é monótona nem vazia. É um rapaz com garra nas suas convicções e isso passa para os leitores. Prende-nos. Fascina-nos. Impele-nos a ler mais. Mesmo que seja de uma série que nunca vi na minha vida nem acho que vá ver, eu acabo por ler. Confesso que tenho uma predilecção para os seus textos de opinião sobre o mundo em geral, mas adoro as suas recomendações musicais e de filmes (mesmo que nem chegue a concordar com algumas delas). Adoro porque o Ricardo tem fundamento, tem uma lógica que faz sentido acompanhar para ele chegar às conclusões e apreciações que tira, gostemos nós das conclusões ou não. É um blogue com pés e cabeça, pragmático e sem floreados. O pote de ouro dos duendes.





Cada vez que entro no blogue da Ivânia e olho para o título penso "Se o meu blogue fosse de nutrição, teria este título". Se calhar é por isso que gosto tanto do blogue. Mas sei que não é só isso.
Gosto da humildade e do empenho da Ivânia. Gosto que ela se esforce por trazer sempre novos temas para falar, sejam eles sobre comida, decoração, ideias, moda, temas da actualidade. A Ivânia tem o carisma para nos prender a cada publicação e, além de ser gira que se farta ainda tem um leitura acessível, amigável e amorosa. Tudo o que se deseja num blogue feminino. Tive imensa sorte em encontrar o blogue dela este ano e fico sempre com imensas expectativas quando uma publicação nova sai do forno. Tal como a Joana, acho que ela senta-nos na cadeirinha e começa a falar das suas milhentas ideias e projectos e nós vamos ouvindo deliciados. Desejo todo o sucesso do mundo para Uma Colher de Arroz (30g!!!, desculpem, é mais forte que eu!) doravante. Eu estou cá para acompanhar.


Já conheciam os blogues que vos apresentei?

18 comentários:

  1. Confesso que fiz uma lista de blogs que achei que iam ser mencionados e acertei! Outros não conhecia mas há um blog que não esperava ver ali: o meu! Fiquei muito feliz pelas palavras e estou assim um bocadinho para o babada! Muito obrigada, Inês! (agora vou ali limpar as lagriminhas) ❤️


    www.asofiaworld.com

    ResponderEliminar
  2. Não conhecia 4 e adorei a tua lista! Obrigada pela referência e pelas palavras bonitas, Inês. Eu sabia que visitavas o meu blogue com alguma frequência mas não fazia ideia que era a blogger com quem mais te identificavas por aqui :) Nem sei bem o que dizer... Que presente de Natal tão bonito! Obrigada uma vez mais :)

    ResponderEliminar
  3. Não conhecia grande parte desta lista! Mas tenho que dar um olhinho aos novos nomes.

    Obrigada Inês pelas tuas palavras. Sinto-me tão mimada quando escrevem coisas assim sobre mim e sobre o meu blog. ♥

    PS: Fiquei deliciada ao descobrir que também gostas de Novo Amor.

    ResponderEliminar
  4. Já conhecia a maioria, mas é sempre bom ver caras novas na lista, assim como ver que também és visita frequente de alguns dos meus blogs favoritos.

    ResponderEliminar
  5. Talvez seja das poucas vezes em que o tagarela fica sem palavras. Não estava, genuinamente, a contar de ver o meu blog na lista, mas yay. Muito obrigado pela referência e elogios! Não há nada como sabermos que o nosso trabalho é reconhecido, ainda por mais por uma das pessoas mais acarinhadas na blogosfera. E sim, no dia em que escrever uma publicação de uma linha, é porque algo de muito errado está a acontecer haha.

    P.S.: A juntar a isto tudo, ainda tenho a agradecer o facto de ter encontrado um blog que pensava ter sido encerrado e que afinal mudou de espaço :)

    Ricardo, The Ghostly Walker.

    ResponderEliminar
  6. Amei este post, não conhecia alguns dos blogs que mencionaste :))

    ResponderEliminar
  7. Relembras-me do porquê de eu adorar a tua personalidade, o teu blog e tudo o que diz um bocadinho mais acerca de ti, Inês. É por eu saber que dizes as coisas sempre de forma muito sincera, que valorizo imenso o facto de o meu blog estar aqui. Obrigada Inês :)

    ResponderEliminar
  8. Desconhecia alguns dos blogues mas são ótimas sugestões

    ResponderEliminar
  9. Muito obrigada Inês pelas palavras fofinhas, fiquei mesmo speechless <3 Obrigada também por mencionares o blogue do Melvin tinha-o perdido completamente!

    ResponderEliminar
  10. Confesso que conhecia uma boa parte destes blogues e já esperava encontrar alguns deles nesta publicação... O meu não, de todo! Fico mesmo feliz por seguires o naïve de perto, ainda que nem sempre deixes uma "pegada". É um orgulho saber que uma das bloggers que mais admiro gosta do meu espacinho! Muito obrigada por este miminho, Inn! *.*
    Beijinho*

    ResponderEliminar
  11. Que orgulho ver o Brisa no meio destes "monstros". Só blogues fantásticos e saber que o meu cantinho te marcou este ano deixa-me com um grande sorriso na cara. Obrigado Inês! Pelas palavras, pelos elogios e pela acessibilidade. Obrigado pelas parcerias, pela entrevista e pela pessoa que és. Obrigado, obrigado <3

    ResponderEliminar
  12. Ah sim, obrigada, esqueci-me de mencionar isso no meu comentário! :)

    ResponderEliminar
  13. quando vi que mencionaste o meu blog nem queria acreditar, as tuas palavras encheram me o coração, foi sem duvida uma prenda de natal adiantada ahah. Muito obrigada agora fiquei com ainda mais motivação para continuar a escrever :)
    só conhecia alguns dos blogues que mencionaste mas fui espreitá-los e adoro os a todos
    muito beijinhos <3

    ResponderEliminar
  14. Quando tiver tempo vou visitar todos!

    ResponderEliminar
  15. Tanto blogue giro que desconhecia e tanta joana! :)

    ResponderEliminar
  16. Adoro o teu blogue <3 entre muito recentemente na blogosfera e adorei todos os blogues que aqui colocaste. Foi uma maneira de encontrar novos blogues que poderei visitar diariamente. Obrigada

    ResponderEliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)