quarta-feira, 22 de julho de 2015

LIVROS || Soulsurfer Coragem de Viver

Fotografia da minha autoria, por favor, não a utilizar sem autorização prévia.
Instagram: @innmartinsm


Lembro-me perfeitamente de quando e como comprei este livro, em 2009. Numa pequena feira do livro em Aveiro, ali estava ele abandonadíssimo e a custar 2 euros. A mãe no café à conversa com as amigas e eu aborrecida, com dinheiro para um gelado. Acabei por borrifar para o cornetto e dar-lhe uma oportunidade. Foi o melhor gelado que já deixei escapar.

A leitura já tem, portanto, alguns anos, mas o livro marcou-me. Inicialmente a vontade de ler foi por causa do ataque do tubarão, sou fascinada por todo o tipo de histórias com tubarões, mas depois a própria história envolveu-me. Com certeza devem ter mais conhecimento desta história através de um filme que saiu há poucos anos. Também eu o vi, mas não faz nem um pouco jus ao livro. Acho o livro mais... intenso. Pela mensagem que ela transmite, pelos pensamentos que ela escreve no livro e que não estão expostos no filme.

Fotografia da minha autoria, por favor, não a utilizar sem autorização prévia.
Instagram: @innmartinsm

Bethany Hamilton tinha 13 anos quando foi surfar, no dia de Halloween, numa praia no Havai (onde vive) que era considerada um dos locais mais seguros para fazer surf - North Shore, Kauai - e onde foi precisamente atacada, perdendo um braço. A história não se fica apenas por aqui. Podemos conhecer um pouco sobre a vida e personalidade de Bethany antes do ataque, dos seus gostos, da sua carreira promissora no mundo do surf. Durante toda a leitura do livro podemos ver os pensamentos dela ao longo do ataque, o que fez, na primeira ideia que lhe ocorreu, tudo de uma forma muito vivida. Em nota pessoal acho que a forma como ela lidou com o ataque e a forma como ela imediatamente pôs os pensamentos a funcionar foi admirável e é um capítulo que vale muito a pena ler. A história continua com a forma como ultrapassou a ideia de ter perdido o braço, as suas dificuldades, a sua desolação inicial por achar que nunca mais poderia voltar a praticar surf e as incertezas e determinações quando decidiu voltar. O livro é admirável, não só pelo seu relato como pelas documentações fotográficas que podem encontrar pelo meio. Eu lembro-me muito bem que há uma foto dela com uma amiga precisamente no mesmo sitio onde ela foi atacada, umas semanas antes. Aliás, no próprio livro ela ainda escreve uma suposição bastante lógica para o ataque ter acontecido. Há também paisagens fabulosas pelo meio.

O livro tem também algumas referências religiosas, já que Bethany era praticante. Ela ligou bastante a sua sobrevivência a um propósito divino para continuar na Terra e espalhar uma mensagem. Agarrou-se a essa ideia para se motivar a ser melhor e a contar a sua história da forma mais humilde possível. Confesso-vos que é muito emocionante a forma como ela descreve a 1ª vez que voltou a surfar desde o ataque.

É um livro muito intenso mas com uma mensagem valiosa. De que devemos estar gratos todos os dias pelas oportunidades e privilégios que temos. De que devemos enfrentar os nossos medos e não deixar que nada nos trave. É um dos livros mais inspiradores e descontraídos - ao mesmo tempo - que já li.

Autora: Bethany Hamilton
Nº de páginas: 181

8 comentários:

  1. Eu conheço a história por alto mas nunca li o livro ou vi o filme e depois deste post... vai direitinho para a lista dos "Para Ler"!

    ResponderEliminar
  2. Foi, de certeza, um cornetto bem «borrifado» :P :)

    ResponderEliminar
  3. Já vi o filme mas não fazia ideia que ela tinha escrito um livro. Sendo que adoro histórias verídicas acho que não vou resistir a comprar!

    ResponderEliminar
  4. desconhecia! fiquei curiosa por ler :)

    ResponderEliminar
  5. não fazia a mínima que havia um livro dessa história! já vi o filme umas quantas vezes e gostei imenso, acredito que ler o livro seja ainda melhor :)

    ResponderEliminar
  6. Só vi o filme, o livro ainda não li !

    ResponderEliminar
  7. Só vi o filme e adorei! Agora despertaste-me curiosidade para lê-lo!

    ResponderEliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)