domingo, 14 de junho de 2015

DESAFIOS || Três Músicas Que Te Deixam Nostálgica


Este é um desafio que daria pano para mangas, já que sou uma pessoa tão musical e onde a música faz, realmente, parte da minha vida, mas decidi escolher uma parte bastante exclusiva da minha vida para ser nostálgica: viagens. Como sabem (já escrevi no Bobby sobre isso, pelo menos) as descolagens marcam-me sempre, especialmente porque vou acompanhada por música e, de uma forma quase mágica, a música que ouvir, seja ela qual for, da qualidade que tiver, fica para sempre na minha memória como a-música-que-ouvi-quando-descolei-de-X-para-Y. E, claro, fico sempre nostálgica. Por isso decidi, dentro das músicas que tenho, três descolagens com músicas agora inesquecíveis! Acompanham-me?


Heartbreak Dream - Betty Who (Lx-Barcelona a estudar Patologia e Toxicologia) [2014]

Bright Lights - 30 Seconds to Mars (Veneza-Lx a estudar Microbiologia) [2013]

5 comentários:

  1. Só boa música! De todas as vezes que andei de avião nunca ouvi música, não sei, pode ser que o comece a fazer este ano! :)

    ResponderEliminar
  2. Sei que não tem a ver com este post mas queria saber a tua opinião. Sei que és da privada e gostas muito de onde estás, não duvido. Pergunto me apenas se te incomoda a questão que vi um anónimo colocar noutro post "de não arranjar emprego".
    Atenção que isto não é uma crítica, é só que há essa ideia geral de que os empregadores no geral vêem no curriculo uma privada e noutro currículo uma publica e ja se sabe qual escolhem. Gostava de saber a tua opinião.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foda-se mas não deixam a rapariga em paz com essa merda das privadas?! Já chega de tanta fustigação com o sitio onde ela está! Qual é o teu interesse em saber se ela arranja emprego ou não? Ela não diz que está onde gosta? Dêem-lhe espaço e deixem-se de preconceitos e perguntas tendenciosas! Sou da pública e há muito que são bem afamadas sem razão. Deixem os privados sossegados porque eles também não nos chateiam.

      Eliminar
    2. Eu talvez dê a minha opinião num post mas, muito honestamente, eu não podia borrifar mais para essa questão ou mesmo para a questão de poder eu própria ter ou não emprego por uma tralhazona de factores. Estou mais preocupada neste momento em fazer a minha licenciatura, que está a dar trabalho e ainda falta e em conseguir entrar na Ordem na forma que ambiciono. E isto é muita coisa ainda para tratar antes de poder pensar em empregos. Estou a gostar do que estou a aprender e ter a certeza de que estou no curso certo é o meu alento por agora e chega-me. Essas ideias pré-concebidas não tiveram ainda grande atenção da minha parte :)

      Eliminar
    3. Não sei porque irritei tanto o anónimo de cima, quando fiz uma pergunta totalmente normal à Inês.
      Obrigada pela resposta Inês, entendo a tua parte e desejo-te a maior das sortes tanto na entrada na Ordem como no que se segue. Beijinhos

      Eliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)