terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

MÚSICA || Smart e sweet Lady Gaga


Não vou perder muito tempo a comentar os Oscars até porque já venho atrasada (os remédios não ajudam a manter a atenção ao longo do dia) e porque já tudo foi minuciosamente abordado, desde a prestação do Neil à escolha polémica do melhor filme e pobrezinhas das ladies que já têm os trapinhos esmiuçados de cima abaixo. Mas gostava muito de deixar aqui a minha opinião sobre a prestação da Lady Gaga.

No Natal já vos tinha dado a entender que tenho a Música no Coração... no coração (a redundância!). Não só por me reunir com a família todos os anos para a ver mas porque tive de fazer ditados musicais de cada uma das músicas vezes sem conta e já conheço as notas de trás para a frente e da frente para trás. E por isso, quando anunciaram os 50 anos de Música no Coração com uma homenagem musical protagonizada pela Lady Gaga, ao contrário do resto do público que ficou espantado porque ela tinha voz (eu já sabia isso) estava com medo da interpretação que iria escolher. 

Já sabia que a Lady Gaga tinha uma voz natural muito bonita e com um bom alcance vocal. Ela tem alguns trabalhos sonoros além da sua carreira excêntrica habitual muito interessantes desde blues, jazz, baladas, entre outros. Sabia que tinha o que era preciso para fazer a homenagem certa mas como a interpretar?
Honestamente, gostei muito que tivesse mantido a tradicionalidade das músicas, primeiro porque acho que os seus tons são insubstituíveis, segundo porque acho que quando queremos fazer uma homenagem revivalista devemos levar o público pelo caminho que conhecem de coração e da memória e depois porque, por muito que as novas interpretações e estilos sejam incríveis, também há o seu quê de original quando se opta pelo tradicionalismo. Foi uma opção muito inteligente por parte da artista, a meu ver. Resultou comigo colada ao ecrã a cantar cada nota e, para mim, valeu a cerimónia inteira (só para verem o quão fã sou!)

10 comentários:

  1. Não sendo possível superar a Julie Andrews, acho que esteve bem.Foi um bonito tributo. :)

    ResponderEliminar
  2. Também adorei o tributo! E também não fiquei nada espantada!

    ResponderEliminar
  3. este ano nao vi os óscares :c és mesmo fã, também tenho a música no coração,desde que me lembro de existir

    ResponderEliminar
  4. Para mim a Lady Gaga é A artista! Sendo grande fã, também não fiquei surpreendida com o vozeirão dela e o excelente momento musical que nos proporcionou. Foi lindíssimo :)

    ResponderEliminar
  5. Foi fantástica ela, mesmo não gostando muito dela!

    ResponderEliminar
  6. Eu confesso que estava com receio do que estaria para vir mas adorei. Ela tem uma óptima voz e gostava que ela apostasse mais noutros géneros de música sem ser aquela pela qual nós estamos mais "habituados".

    ResponderEliminar
  7. Ela foi incrível, nisso não há dúvidas :)

    ResponderEliminar
  8. Eu achei fenomenal... Para não falar que até gostei do vestido dela (tirando aquelas luvas pavorosas) :)
    Beijinho*

    (Ps: Já viste que o meu blog se vai mudar? Lê o último post)

    ResponderEliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)