sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

FACULDADE || 1º Semestre do 3º ano de Ciências da Nutrição


Aqui vos trago mais um semestre da minha licenciatura. Antes de me debruçar sobre as cadeiras, devo dizer que este foi o 1º semestre mais fácil até agora e tal não me surpreende. No 1º ano há sempre o susto de sermos caloiros, o 2º já tinha toda a gente a dizer-me que era o pior (e confirmo) mas este 1º semestre de 3º ano foi muito mais tranquilo. E agradeço que tenha sido porque, com todas as coisas que me aconteceram, mal seria de mim se tivesse tido um semestre como o do ano passado. Estaria um caco pior.





Tecnologia Alimentar, Higiene e Segurança Alimentar, Toxicologia Alimentar, Patologia da Nutrição, Dietoterapia I e Gastrotecnia foram as cadeiras que emolduraram este semestre. Como podem reparar pelos nomes, à medida que vou avançando de ano vou abandonando as cadeiras gerais que outros cursos também têm e entrando em ramos mais específicos, sempre com um leque de diferentes coisas em que posso trabalhar na área da Nutrição, o que é incrível. De todas estas cadeiras, as que menos gostei foram as duas primeiras (Tecnologia e Higiene), simplesmente porque não me identifico com as áreas que abordámos na matéria: embalagens, processamento de alimentos, garantia de segurança dos produtos que chegam até nós, protocolos... Não é nada Inês. As minhas favoritas, por incrível que pareça, foram todas as outras. Talvez tenha sido por isso que o semestre se fez tão tranquilamente; Eu estava mesmo a gostar do que estava a aprender e isso é meio caminho andado.

Toxicologia Alimentar como o próprio nome explica, aborda todos os tóxicos que podem estar presentes nos alimentos, como actuam no nosso organismo, como os eliminar e quais são os limites legais. Devo dizer-vos que depois desta cadeira fiquei um dia a olhar para a comida com um olhar desconfiado!!! Nada que uma vontade gigantesca de comer não ultrapasse. Patologia da Nutrição abordou todas as doenças directa ou indirectamente ligadas à nutrição, desde problemas cardiovasculares, úlceras, malnutrição, anorexia, entre outras. Todas as semanas tínhamos um caso clínico com a descrição do paciente, análises e tínhamos de explicar o diagnóstico. Era engraçado mas um pouco intimidativo. Mas eu gosto de desafios. Dietoterapia é, realmente, aquilo que quero fazer, criar planos alimentares de acordo com o paciente que temos à frente e descobri imensas coisas giras acerca da minha profissão. Só tenho pena de não ter conseguido ter tempo para estudar tudo o que queria para esta cadeira. E por fim Gastrotecnia, a cadeira que julguei que ia deixar para trás porque aborda... culinária. Sim, métodos de confecção, características de frescura de alimentos, como os cozinhar, etc. As nossas aulas práticas eram numa cozinha onde preparávamos receitas diferentes e no final provávamos os pratos. Foi das cadeiras mais úteis que tive para a minha vida e acho que devíamos tê-la mesmo em ensino regular. É importante saber estas coisas e ainda mais importante saber como cozinhar de forma saudável. Agora sinto-me com mais ferramentas para auxiliar quem está à minha frente sobre comer melhor e tenho muito mais noção das porções.

E pronto, aqui fica a descrição deste semestre. Mais uma vez consegui fazer todas as cadeiras (sem café nem drogas!) e consegui subir substancialmente os valores de algumas cadeiras para compensar o reflexo que foram as outras notas quando me senti mais em baixo. Viajei a estudar para duas cadeiras ao mesmo tempo e não me podia sentir mais orgulhosa de arrumar mais um dossier e uns quantos cadernos. FÉRIAS!

8 comentários:

  1. Assim mesmo Inês! Aproveita e descansa!

    ResponderEliminar
  2. Quando escreves sobre o teu curso sinto paixão e é óptimo! adoro :) Agora descansa! Por ti e por mim que ainda não posso!

    R: Sim! A Matilde não me vai falhar, espero!! :D

    ResponderEliminar
  3. Era mesmo contigo que queria falar, futura nutricionista! :b Muito se tem falado na questão do leite ser ou não ser um "veneno"... o que achas disso? :)

    ResponderEliminar
  4. Querida Inês, já fiz alguns comentários awui pelo blog mas este será diferente. Venho ao teu blog praticamente diariamente e digo-te, transmites uma força e motivação que provavelmente desconheces. A maneira como transpareces o que és aqui, com tudo o mais que podes ser e nunca iremos ler... A tua ambição e principalmente, dedicação a tudo, a maneira como pões tudo o que és em cada bocado que fazes e o facto de não desistires e ires à luta. Este semestre foi particularmente complicado e "ler-te" ajudou-me IMENSO. Divertes, abordas assuntos de maneiras girissimas mas também sabes discuti-los e agarrar a tua opinião. Sabes aquela frase "someday I want to inspire people and I want them to think of me so they won't give up?" Acredita, já o fazes :)
    Continua!

    ResponderEliminar
  5. P.s parabéns por mais uma etapa conseguida!

    ResponderEliminar
  6. Que máximo, Inês! O teu curso é super interessante, não fosse eu uma apaixonada por tudo o que envolva saúde! :p
    Boas férias!
    Beijinho*

    ResponderEliminar
  7. Parece muito interessante o teu curso.
    Parabéns, Inês e boas férias ;)

    ResponderEliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)