terça-feira, 10 de junho de 2014

BLOGOSFERA || Um blogger não é um personagem de livro


Não sei se há muito mais para dizer além do título, mas é uma verdade que custa a muitos assimilar. Um blogger não é uma personagem de livro que senta o banco e espera que os olhos toquem de novo nas folhas para continuar a sua vida ou prolongar sentimentos e viver peripécias.

Sinto que o meu blog não expõe nem 10% do meu dia-a-dia, nem 5% de todos os meus pensamentos diários, especialmente eu, que passo a vida a pensar em 1001 coisas. Conheço imensas pessoas que não revelo aqui, tenho imensas chatices, momentos muitos giros que podiam ser contados em blogue mas não conto e momentos que me fazem evoluir. Até mesmo podemos falar aqui de decisões sem nunca revelar o que nos levou a tomá-las. Pessoas de quem já falei aqui e já não me dou mais, pessoas que cresceram no meu coração e que merecem todos os pedestais, pessoas que me magoaram e fizeram chorar outras que me fizeram rir até doer a barriga, todas passaram por aqui e, ainda assim não sabem do que aconteceu depois de um post sobre as mesmas.

É errónio olharmos para o blogue de alguém como se fosse um livro. Acho, sim, que devemos vê-lo como uma evolução. O que escrevi há 5 meses não escreveria da mesma forma hoje. Talvez pudesse sentir o mesmo, mas há sempre algo que nos transforma, que não têm necessariamente de estar a par.

Descubro e sinto muitas coisas que nunca aqui cheguei a contar e nunca pensaria ver o Bobby como um capítulo a capítulo. Não sou uma Daily Cristina. E vai haver alturas em que vou escrever sobre tudo e outras em que não vão perceber de onde veio esta história. E, muito honestamente, eu acho que é isso que dá personalidade aos nossos blogues: a imprevisibilidade. Ninguém segue um blogue onde já espera qual seja o seu post, correcto? Esperamos qualidade, espontaneidade mas nunca os mesmos posts.

13 comentários:

  1. Desde que os blogues não sejam "stardartizados" está tudo bem para mim. Há quem escreva para multidões. Há quem faça do seu blogue um diário de bordo sem pensar se alguém o vai ler ou não. Há quem faça do seu blogue uma espécie de loja comercial. Há quem faça do seu blogue um consultório sentimental. Há quem faça do seu blogue um lugar com o conteúdo mais aleatório possível, sem pés nem cabeça. Etc, etc... Cabe cá toda a gente. Não têm que existir leis nem tribunais de blogues. A piada está nas diferenças entre cada blogue e nas pessoas que os escrevem.

    ResponderEliminar
  2. Eu acredito que aquilo que escrevemos é aquilo que somos e não o nosso dia à dia completo porque para isso existem muitas revistar cor de rosa para fofocarem.
    Espontaneidade é isso mesmo que gosto. E o teu blog é dos meus preferidos por isso mesmo.
    Acho que acharem que sabem tudo sobre nós só pelo que escrevemos é como julgar um livro pela capa ^^
    Somos mais do que o que escrevemos.

    ResponderEliminar
  3. r: por acaso nao sabia que esse já tinha na FNAC :) está a corresponder às expectativas?

    ResponderEliminar
  4. r: gosto disso :) tou mortinha que os E5 chegueeem

    ResponderEliminar
  5. também há muita coisa que não conto no blog, aliás, eu pouco falo da minha vida pessoal...

    ResponderEliminar
  6. Desde que cada um se sinta à vontade no seu canto, tranquilo :p

    ResponderEliminar
  7. se eu fizesse um relato do meu dia-a-dia e dos meus milhares de pensamentos acho que nng abria o meu blog mesmo! :P

    ResponderEliminar
  8. Disseste tudo, palmas!! Eu gosto de acompanhar o crescimentos dos blogs, e adoro ser surpreendida pelo trabalho dos bloggers!

    ResponderEliminar
  9. Tudo isso é verdade, e o teu é dos que mais gosto por isso mesmo, é tão imprevisível. Tanto posso aqui chegar e ver um post interessantíssimo, como vir e ter um post que acabo por sorrir com a parvoíce que contas :)

    ResponderEliminar
  10. "Esperamos qualidade, espontaneidade mas nunca os mesmos posts" ora o meu blog é precisamente isto de que aqui falas.
    Se num post me vês depressiva, no seguinte já estou a falar das minhas loucuras x)
    E muitos podem ficar a pensar que sou bipolar por ter dois posts tão distintos, já era assim no antigo blog e talvez seja por isso mesmo que os seguidores me diziam/dizem que adoravam/adoram ler o meu blog.

    ResponderEliminar
  11. "Esperamos qualidade, espontaneidade mas nunca os mesmos posts." Esta tua frase resume mesmo tudo!

    ResponderEliminar
  12. É o que estou sempre a dizer. "Tudo o que está no meu blogue é o que eu sou mas nem tudo o que sou está no meu blogue". É só mais uma forma de dizer o mesmo que aqui escreveste. Há mais vida, mais amor, mais conversas, mais trabalho e mais chatices do que aquilo que escrevemos e contamos.

    ResponderEliminar

Quaisquer comentários que visem a ofender e/ou afectar a minha integridade, dos meus leitores, comentadores, bloggers ou entidades que refiro nas minhas publicações não serão aceites.

Quaisquer questões colocadas serão respondidas na própria caixa de comentários!

Muito obrigada por estares aqui :)